Bióloga, barista e apaixonada por café

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

[ad_1]

Mariana Lobato é formada em Biologia pela UFRJ, mas foi paixão pelo mundo do café especial que a levou a trabalhar como barista e instrutora no Coffee Lab, onde atua há 1 ano.

Carioca morando em São Paulo, ela conversou com a gente sobre a vontade de voltar a trabalhar perto da natureza e o quanto isso abrilhantaria sua atuação como barista e professora.

Ela nos contou da falta de profundidade, de maneira geral ao falar sobre o café. Disse que acha extremamente importante falar mais sobre a história por trás daquela xícara. Desde as dificuldades de plantio, as técnicas, até como famílias se unem em prol da qualidade.

“Acho que falta aos baristas e consumidores compreenderem melhor o universo por traz daquela xícara de café. Podemos ir além da torra, aromas e sabores. Temos que conhecer todas as etapas e as pessoas envolvidas. Só desta forma o café especial vai ser valorizado de verdade. Se não o melhor café será sempre o mais barato da gôndola. Temos que ter consciência de todas as dificuldades envolvidas e todo trabalho de dedicação e amor para que aquele café chegue até você.”

Marina Lobato

Bióloga, barista e apaixonada por café 1

Com relação a como apresentação do café especial para as pessoas, concordamos com ela sobre a necessidade de uma mudança de comportamento e também cultural. Se faz importante um trabalho constante de levar conhecimento à todos que ainda não tiveram contato com um café de qualidade.

Ela acredita que café é café e todo mundo toma café. É algo que faz parte do nosso cotidiano com afetividade. O café que a avó preparava todos os dias fica na nossa memória.

Mas quando tratamos de café especial, tudo muda. Desde o método de preparo até o resultado na xícara. Um café que normalmente é mais leve, doce, delicado e perfumado. Temos que ter esse tato e entender o que a pessoa leva em consideração para tomar um café e não rebaixar o que ela acredita ser o melhor. Criar empatia, se colocar no lugar do outro para não criar uma relação de atrito logo de início e sim tentar abrir a cabeça das pessoas para uma nova experiência. Mostrando como esse café especial é interessante também. Tornar esse produto um produto de afetividade mesmo que a pessoa já tenha sua própria referência.

Leia Também  Kickstarter: Ajude o Portrait Coffee de Atlanta a financiar seus sonhos de café

Mariana acredita cada vez mais que as pessoas passarão a consumir o café especial. Elas vão entender que o produto que consomem hoje é de baixa qualidade e não faz bem pra elas. O café faz parte da alimentação. E a tendência é essa.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

“É preciso repensar esse produto que é fundamental e está na manhã de todo mundo. E é a grande expectativa de quem trabalha com café especial  – as pessoas passarem a entender que o que elas consomem faz mal a saúde, valorizando seu bem estar e consequentemente os pequenos produtores.”

Mariana Lobato

Acima de tudo, ela credita que o contato com a lavoura transforma o dia a dia na cafeteria. Quem está ali servindo o café vai conseguir falar com mais propriedade daquilo e da sua importância. Pois não é só um café. E sim, tudo que envolve por trás daquela bebida. A pessoa que está servindo, sabendo de tudo que aconteceu antes de chegar ali, vai ter mais cuidado na hora do preparo.

Bióloga, barista e apaixonada por café 2

“Quando entrei, não fazia muito ideia do que estava fazendo. Eu queria trabalhar no campo, mas decidi fazer o caminho inverso – da xícara à planta. Hoje sinto que falta algo. Entendo bem a xícara, mas sinto falta de entender mais sobre o que vem antes de chegar no café cru ou torrado, já beneficiado para se tornar o produto final.

Mariana Lobato

Mariana avalia que só será possível uma evolução profissional indo para o campo. Conseguindo lidar com a qualidade através da planta e não apenas da xícara.

E quando perguntamos qual era o seu maior sonho, não poderia ser outra coisa: Voltar pra terra e estudar a fundo o universo das plantas do café e como o trato com ela influencia num produto de qualidade.

Leia Também  Consumo de café vinculado à redução do risco de câncer de próstata, estudo mostra o Daily Coffee News da Roast Magazine

Nós da Have a Coffee ficamos muito felizes em compartilhar das mesmas buscas e expectativas e reafirmamos nossa missão em levar café de qualidade aos nossos clientes e amigos, bem como as conquistas e história de cada família produtora.


Ainda não faz parte do nosso clube?


Bióloga, barista e apaixonada por café 3



[ad_2]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *